23 de abr de 2012

Macca leva o Brasil ao Recife

A capital pernambucana viveu um final de semana agitado. Abril Pró-Rock, Chico Buarque, Cirque du Soleil, homenagem a Luiz Gonzaga e... Paul McCartney.

Uma das filas para o show do sábado


O músico inglês se apresentou pela primeira vez no Norte-Nordeste do Brasil e arrastou uma multidão de quase 100 mil pessoas para o Estádio do Arruda em duas noites de shows. No sábado, dia 21, e no domingo, 22.

Fui ao show do sábado. Cheguei por volta das 16h00min, peguei a fila que se estendia por volta de parte do anel do estádio e, observando a ansiedade de todos ao redor, aguardei por mais de duas horas a abertura dos portões.

Nas filas e dentro do estádio se via um público diversificado. Famílias inteiras ali para assistir um Ex-Beatle. Avós, filhos e netos cantavam e vibravam a cada música durante quase três horas de show... E o Sir esteve longe de atrair apenas famílias inteiras de terras “recifianas” e pernambucanas. Macca tratou de levar uma legião de fãs de todo o país e o que já era evidente nas filas, arquibancadas e pista, foi ratificado quando o músico convidou ao palco algumas mulheres que disseram ter vindo de São Paulo, Manaus, Curitiba...

Encontro de estados antes do espetáculo
Mas o amor pelo membro de maior sucesso – ainda em atividade – do Fab Four ainda consegue mais. Formado em 1998 num grupo de email, dezenas de amigos de todas as regiões do país se divertem e trocam um pouco do sentimento pelos Beatles e passaram a acompanhar Paul no Brasil e em países vizinhos. Para os shows em Recife, vieram poucos membros dessa rede, conta a jornalista Anna Guirro. “Desta vez, estamos num número de 30 pessoas”, conta a cearense que mora em São Paulo. Com Anna, vieram pessoas da Bahia, Rio de Janeiro, Pará, Minas Gerais, Ceará... Espalhadas por todos os setores do Arruda. 

Pelo terceiro ano consecutivo em passagem pelo Brasil, Paul traz muita alegria ao grupo que já chegou a reunir cerca de 200 pessoas. “Foi no primeiro show do Morumbi, em 2010. Foi o nosso primeiro show e conseguimos reunir essa quantidade enorme de fãs”, conta a jornalista, que assiste ao sexto espetáculo do músico. Questionada sobre qual o melhor show que já esteve, Anna compactua com os amigos que aquele do Morumbi foi o mais emocionante por todo o contexto, disse que cada espetáculo é único, mas, sem dúvida, o melhor setlist veio de Recife.
Anna Guirro (segunda), Ricardo Libertini (último) e mais membros da rede

Lamentando não poder ficar para o domingo por questões de trabalho, apesar da compra do ingresso, Anna deseja um ótimo show ao amigo, e também membro da rede, Ricardo Libertine. O ator carioca esteve na arquibancada no sábado e no domingo caiu na pista para cantar e pular com o artista pela oitava vez!

Apesar do caldeirão de estados presentes e o clichê apaixonante de artistas internacionais levantarem a bandeira do Brasil, Paul massageou o ego dos donos do pedaço e fez tremular a bandeira de Pernambuco. Salve a terra de Luiz Gonzaga. Povo arretado!

Paul segura bandeira de Pernambuco
Anna Guirro e Paul McCartney

Na quarta-feira (25), Sir Paul se despede do Brasil fazendo, também pela primeira vez, show em Florianópolis. 

Sinaldo Luna

0 comentários: